O e-commerce de turismo e a importância dos sites de hotéis

Nos últimos anos o e-commerce (vendas pela internet) e o e-business (negócios online) vem crescendo enormemente no mercado brasileiro. Só para esse ano é esperado um aumento de 24% no segmento de e-commerce e a superação dos 50 milhões de consumidores. Mas apesar dos números sempre crescentes o investimento nessas áreas por parte das empresas brasileiras ainda é pequeno. E um dos setores da nossa economia que tem mais chances de crescer, mas ainda investe pouco nesse modelo de negócio é o turismo.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Ter um site atualmente é imprescindível para qualquer empresa que queria se destacar no mercado. Boa parte dos consumidores preferem procurar por referências de lojas, produtos e empresas na internet antes de contratar qualquer serviço. E esse comportamento se estende também para os turistas que preferem se hospedar em hotéis e pousadas que eles já tenham alguma informação prévia. Por esse motivo é importante que hotéis e pousadas invistam em sites que possam lhes representar bem para o cliente.

Um site serve como ferramenta de interação com possíveis hospedes. Mas também pode ser uma poderosa plataforma de propaganda e divulgação dos serviços que seu hotel ou pousada tem a oferecer. Sites bem estruturados e que possuam conteúdo recebem mais destaques dos mecanismos de buscas como o Google e acabam tendo mais visualizações. Além disso a maioria dos internautas só confiam em sites de empresas que sejam atualizados regularmente e tenham um bom design, já que um site mal feito faz parecer que a empresa não tem compromisso com o cliente.

Informação sobre o hotel ou pousada devem ser o foco principal do site. Fotos dos ambientes, principalmente dos quartos, devem estar presentes numa galeria de imagem que ajude o futuro hospede a explorar as dependências do local. Também se deve destacar os benefícios que o estabelecimento oferece, por exemplo se tem salão de reuniões, internet wi-fi nos quartos, sala de jogos e outros atrativos que destacam o empreendimento. Disponibilizar informações turísticas sobre a região onde o hotel/pousada se encontra é uma ajuda ao hospede que pode planejar melhor sua programação durante a estadia.

Mas nem sempre apenas o site basta. Estar presente nas maiores redes sociais é outra forma de se manter sempre a vista do cliente. Fan page do hotel/pousada no Facebook é uma das melhores opções para quem quer ter uma interação maior com o consumidor. Sem falar que o número de curtidas e comentários positivos nas páginas podem influenciar um novo hospede a preferir seu hotel.

Outros benefícios que pode ser oferecidos no site são a reserva online e o pagamento eletrônico. Para o cliente é muito mais cômodo poder reservar seu quarto da frente do computador no próprio site do que ter que fazer uma ligação interurbana para isso. E o pagamento eletrônico, seja por boleto seja por meio de PayPal ou PagSeguro, agiliza o serviço e garante segurança para a empresa e o hospede. Vale lembrar também que aceitando pagamentos por PayPal você estará facilitando que turistas estrangeiros se hospedem no seu hotel.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Com os recentes incentivos do Governo Federal para que os brasileiros façam mais turismo doméstico (turismo interno no Brasil) e o aumento do poder aquisitivo das classes C e D o turismo regional cresceu bastante nos últimos tempos. Atualmente a classe C já representa mais de 50% dos consumidores virtuais segundo dados do e-bit e turismo está entre os principais negócios feitos por eles na web. Então investir nesse público e pensar o site para que seja acessível a ele é um ótimo investimento. Outro fator que tem contribuído para o aumento do turismo são as viagens de negócios que crescem a cada dia.

Mas também se deve pensar no turista estrangeiro que vai vim para a Copa do Mundo e outros eventos internacionais que acontecerão nos próximos anos. Por isso é uma boa estratégia ter um site bilíngue, onde todo conteúdo esteja disponível em português e inglês.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Muitos estabelecimentos comentem erros na hora de fazer seu site, no caso dos hotéis e pousadas o mais comum é quanto a época para criar o site. Muitos deixam para começar o projeto do site na alta temporada, que é quando recebem mais pedidos. O certo seria trabalhar o site durante o fim da alta e inicio da baixa temporada, garantindo assim que quando começassem as procuras para a próxima alta estação o site já estivesse pronto para atender os clientes.

O Nordeste apesar de ser um dos destinos mais procurados pelos turistas ainda conta com poucos hotéis e pousadas que trabalhem com e-commerce. A Nuvon Comunicação atua na área de web design e design gráfico e já fez vários projetos para pousadas e hotéis da Região Metropolitana do Recife. Estamos prontos para atender a todas as demandas dos clientes e garantir que seu site traga muitos novos hospedes.

1 Comment

  1. Pedro Pereira

    Sem dúvida que os websites e o marketing digital são fundamentais para qualquer empresa ligada ao turismo!

Leave a Reply to Pedro Pereira Cancel Reply


quatro − = 2